Ir al contenido

Morroa: onde as redes balançam de acordo com o apito atravesao

Haga click sobre la imagen para ampliarla Festival de Pito Atravesao em Morroa

Festival de Pito Atravesao em Morroa

Morroa ou tear cultural das savanas é um colorido povoado da região caribenha colombiana. Lá os fios se cruzam pelo trabalho de muitos de seus habitantes dedicados ao nobre ofício de tecer redes, essas famosas redes que envolvem as pessoas em plácidas horas de descanso e sonhos.
Aqui se produz um bom número desses leitos pendurados típicos da Colômbia, bem como sua música. E em Morroa há muita música também.

O povoado, de fácil acesso, está localizado a 15 km ao nordeste da cidade de Sincelejo, capital do estado de Sucre sobre a rodovia Principal do Ocidente. Muito perto também, a menos de 2 km, está Corozal, o segundo município da região. Isto é, todos os lugares se misturam e parecem ser um só, mais ainda nestes tempos festivos quando floresce o legado que vem de gerações anteriores.

Em junho de cada ano se celebra em Morroa o Festival Nacional do “Pito Atravesao”

Festival do Pito Atravesao em Morroa

Precisamente em junho, de 19 a 21, Morroa celebra a XXI versão do Festival Nacional do Pito Atravesao. Mais do que uma festa, é a convergência de uma série de elementos, expressões, trabalhos e circunstâncias que formam um contexto cultural muito representativo da variedade colombiana. A ocasião é propícia para que o mundo saiba o porquê do pito atravesao e dessas pitorescas redes, características de Morroa e de toda essa vasta zona imersa nos chamados Morros de María.

O apito atravesao ou flauta de milho, instrumento musical de sopro feito da cana de milho, tem uma lingueta pela que passam fibras de fio que vibram com a passagem do ar. Além disto, a flauta tem quatro perfurações no seu corpo que representam as notas musicais. Com este particular instrumento de sopro, contribuição indígena a muitos ritmos do Caribe, interpreta-se predominantemente a cumbia, uma expressão que é um símbolo colombiano.

Haga click sobre la imagen para ampliarla Desfile folclórico artesanal

Desfile folclórico artesanal

Os antecedentes do Festival Nacional de Pito Atravesao, cuja primeira edição ocorreu em 1988, remontam-se às páscoas floridas, bailes que se realizavam nas esquinas do povoado e se prolongavam até o amanhecer do dia seguinte. Estes festejos eram no mês de dezembro, coincidindo com o Natal e com o florescimento rosado do matarratón, árvore característica do Caribe. A abundância das flores era o melhor presságio para terminar o ano velho e começar um novo no meio da prosperidade.

No princípio o festival foi pensado como um complemento às festas de San Blas, programadas em janeiro. No entanto, surgiram vozes opositoras que defendiam a ideia de fazer uma atividade independente que realçasse a música vernácula de apitos e tambores, e que ao mesmo tempo, fosse autêntico reflexo da tradição oral graças à qual as novas gerações conheceram um tesouro de música e danças.

Pessoas de todas as idades presenciam essa versatilidade folclórica e ao mesmo tempo recriam o que significou o assentamento na região de comunidades ancestrais como família indígena zenú e sua influência no que hoje são as expressões de Sucre no âmbito musical e artesanal. Com duas décadas de existência o Festival Nacional de Pito Atravesao se consolida como uma expoente do valor e da alegria do estado.

O pito atravesao ou flauta de milho é um instrumento musical de sopro feito da cana de milho

Além dos desfiles e fantasias que compõem as ruas de Morroa com cor e talento, o festival premia aos participantes, em música e baile, sob diferentes categorias. Há reconhecimento para os melhores casais dançarinos de cumbia que chegam, não só de Sucre, mas também de outros estados como Atlântico, Magdalena, Córdoba e Santander.

E logicamente, as honras são também para os melhores conjuntos de pito atravesao nas modalidades infantil, tradicional e projeção. As celebrações têm uma presença muito forte e uma conotação cultural que convoca a muitos viajantes. E ainda que em Morroa haja somente algumas casas que servem de hospedagem, muito perto estão Corozal e Sincelejo, para acolher às muitas pessoas que atendem ao chamado do festival..

Em Morroa as redes balançam

Haga click sobre la imagen para ampliarla As redes de Morroa

As redes de Morroa

Em Morroa o balançar das redes acompanha o vento que flui pela flauta de milho ou “flauta e’ millo” como dizem em terras caribenhas. Ditos tecidos fazem parte da oralidade com a que se foram formando estes povos onde o sangue era puramente indígena, até que se deu a mestiçagem com negros e espanhóis no século XVI.

E se poderia dizer que desta época é que vem a rotina que marca o trabalho dos tecelões de Morroa em teares verticais e com muitos fios de algodão. Hoje o ofício é feito por todos porque a demanda de redes não dá trégua e o prestígio morroano por sua produção tem que sustentá-lo com redes tecidas de maneira cada vez mais criativa. Claro que na região há outros povoados e localidades que possuem a mesma, como Dom Alonso em Corozal, Chochó em Sincelejo ou San Jacinto, no estado de Bolívar.

Os sinais que indicam a chegada a Morroa são os monumentos à Devanadora e ao Pitero, duas obras do mestre Plinio Lambraño. Ainda que quando se escutem as alegres notas da cumbia que saem do pito atravesao e se vejam as cores das redes penduradas ao ar livre com o apoio de árvores e estacas, nesse momento se começa a desfrutar de um povoado que tece e põe música na sua história, nas Festas de San Blas - patrono do povo- ou agora, durante o Festival Nacional de Pito Atravesao.

Haga click sobre la imagen para ampliarla Festival de Pito Atravesao em Morroa

Festival de Pito Atravesao em Morroa

Para chegar e ficar em Morroa

Por via aérea há voos diários entre Bogotá e Corozal, município distante 2 km de Morroa. Por estrada se toma a rodovia Principal del Occidente de Bogotá, pela rota a Medellín. A distância aproximada é de 1.000 km.

Algumas casas de família do município de Morroa são usadas como hospedagens. Mas graças à proximidade com Sincelejo e Corozal é fácil deslocar-se para encontrar hotéis nestes dois municípios. Além do que, ir e vir pelas savanas do Sucre é um grande prazer.

O Caribe colombiano tem muitos destinos formosos. Percorra conosco alguns deles:

Contato

Proexport Colombia
Calle 28 A Nº 13A-15 Piso 36
E-mail: Correo electrónico info ARROBA colombia PUNTO travel

Colombia | Marca País Ministry of Commerce, Industry and Tourism Fondo de Promoción Turistica Proexport Colombia